Água quente e déficit nutricional causam queda capilar

Cuidados na lavagem dos fios e com a alimentação podem ajudar a evitar a queda exagerada dos fios

20 out 2014
08h00
atualizado em 21/10/2014 às 11h20
  • separator
  • comentários

A queda capilar é um problema muito comum que normalmente está associado à genética. Além da herança familiar, perder mais do que em média de 70 a 100 fios por dia pode ser estimulado por hábitos corriqueiros. O dermatologista Marcelo Bellini destaca o que você deve evitar para não perder cabelo antes do tempo.

Químicas
Alisamento, tintura e escova progressiva são químicas muito fortes e podem comprometer a saúde dos fios, levando à queda.

Abafamento do couro cabeludo
Exceto na exposição ao sol, o médico indica evitar o uso indiscriminado de bonés e chapéus que abafam o couro cabeludo: “Este cuidado também é importante quando o cabelo estiver molhado: não se deve abafar nunca porque fios molhados e abafados causam oleosidade, quebra, queda e dermatite seborreica”.

Déficit Nutricional
Falta de zinco, cobre, ácido fólico e dieta não adequada também podem ser causas da queda de cabelo. A indicação do dermatologista é procurar um nutricionista para alcançar uma alimentação adequada.

Alterações do organismo
É importante atentar se o problema não está sendo causado por alterações como anemia, tireoide, cortisol, infecção e até um tumor.

Escolher errada de escova e pente
O acessório errado e uma ação brusca podem danificar os fios e facilitar a queda. “Utilizar apenas pentes de madeira ou osso, com dentes largos, porque eles reduzem a eletrostática dos fios. Nunca utilizar pentes de plástico porque eles aumentam a quantidade de fios eriçados”, esclarece o médico.

Uso de secador e chapinha
O ideal é reduzir o uso desses aparelhos térmicos, que enfraquecem os fios com o calor excessivo, e o dermatologista indica a melhor maneira de manusear para evitar grandes danos: “Secadores devem ser usados a uma distância de 20 centímetros do couro cabeludo. As chapinhas também devem ser aplicadas com distância do couro cabeludo”.

 

Fonte: Canarinho Press

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade