Protetor térmico é arma para acabar com pontas duplas

6 jan 2015
08h00
  • separator
  • 0
  • comentários

O aparecimento de pontas duplas é um dos problemas capilares que afligem as mulheres. Além do ressecamento e fragilidade, o desgaste natural que o cabelo sofre também pode causar a abertura dos fios em duas ou mais pontas.

Agressões como coloração, alisamento e uso de aparelhos térmicos contribuem para o aparecimento da ponta dupla
Agressões como coloração, alisamento e uso de aparelhos térmicos contribuem para o aparecimento da ponta dupla
Foto: Jeanette Dietl/Shutterstock

Hidratação com água termal é febre entre famosas

Selagem térmica preenche fissuras capilares

A terapeuta capilar Angelica Teixeira, do salão Ophicina do Cabelo, no Rio de Janeiro, explica a causa do problema tão comum: “A ponta dupla é ocasionada pela fragmentação da cutícula capilar. O que leva a isso são agressões externas como coloração, alisamento, uso de chapinha, babyliss e secador sem proteção, além de sal e cloro, elementos ainda mais presentes durante o verão”.

Para evitar que a ponta se abra e deixe o cabelo com aparência detonada, é preciso o cuidado constante e o uso de produtos certos. “Ressalto a necessidade de usar protetor térmico para diminuir os danos causados pelo calor de aparelho e aplicar em casa máscaras de hidratação que ajudem a selar a cutícula e disfarcem a ponta danificada”, indica a profissional.

Corte
A importância da prevenção e investimento em hidratação é essencial, pois se as pontas duplas estiverem em grande quantidade, só vão sair com o corte. “Se o fio já estiver fragmentado, a solução vem apenas com o corte, não existe produto que una as pontas duplas. Por isso, o ideal é cortar de três em três meses”, aconselha a terapeuta.

 

 

Fonte: Canarinho Press
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade