0

Cuide do seu corpo com o óleo de babosa

O óleo de babosa tem ação calmante e hidratante, mas o cosmético deve ser recomendado por um dermatologista.

12 nov 2015
15h45
  • separator
  • 0
  • comentários

O óleo de babosa promete hidratação facial e pele viçosa. Conhecida por ser antibacteriana, antifúngica, anti-inflamatória, hidratante e calmante, a planta é útil na cicatrização de feridas, no tratamento de queimaduras e da e para amenizar o ressecamento da pele.

O uso do óleo de babosa

Também chamada de , a planta contém aminoácidos essenciais para a formação de proteínas. Ela possui folhas longas e espinhentas, das quais é facilmente extraído um gel. É dessa substância que é fabricado o óleo de babosa.

Lilia Guadanhim, dermatologista e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), lembra que o vegetal pode ser encontrado em uma grande variedade de cosméticos, como shampoos, sabonetes, hidratantes, géis pós-sol e máscaras hidratantes para cabelo. “É um dos ativos botânicos mais amplamente utilizados”, comenta.

O óleo de babosa deve ser recomendado por um dermatologista.
O óleo de babosa deve ser recomendado por um dermatologista.
Foto: iStock/Getty Images / Vivo Mais Saudável

Com seus benefícios medicinais conhecidos há milênios, a babosa era denominada de "planta da imortalidade", no Egito Antigo. Era utilizada pelas rainhas Cleópatra e Nefertiti, reconhecidas por sua . Atualmente, os produtos contendo a substância são frequentemente indicados para peles sensibilizadas e que passaram por queimaduras solares.

Há estudos que identificam a ação da planta no processo de cicatrização de feridas. As suas possíveis indicações também estão no tratamento de queimaduras e na diminuição de danos após o congelamento de extremidades do corpo em temperaturas extremas muito baixas.

Contraindicações do óleo de babosa

A planta pode acarretar sensação de queimação ou de "agulhadas" da pele. Alergias, no entanto, são raras. As contraindicações, de acordo com Lilia, são específicas para grávidas. “Não se deve aplicar em mucosas e nem ingerir a babosa sem orientação médica, em especial durante a gravidez e a lactação.”

Ou seja: antes de apostar no óleo de babosa, é melhor conversar com um dermatologista.

Solução caseira: Máscara de hidratação capilar

As receitas caseiras podem ajudar, desde que não sejam aplicadas no rosto. “Também não é aconselhável aplicar a babosa diretamente em peles feridas”, alerta Lilia. A seguir, confira uma receita recomendada pela dermatologista:

Separe duas folhas de babosa e corte no sentido longitudinal. Retire o gel interior e dilua em mais ou menos meio litro de água. Aplique massageando no comprimento dos . Deixe agir por 20 minutos. Se possível, faça uso de uma touca plástica para potencializar o efeito. Depois, enxague bem.

Se preferir, adquira produtos industrializados fabricados com a substância. “Sua ação hidratante potente é amplamente explorada em produtos capilares, como máscaras hidratantes e óleos”, destaca a especialista.

Vivo Mais Saudável Vivo Mais Saudável, informação que faz bem.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade