publicidade
03 de julho de 2013 • 08h32 • atualizado em 04 de Julho de 2013 às 16h02

Modelo perde 6 cm de cintura com nova técnica de drenagem

Modelo antes e depois de drenagem que a fez perder 6 cm de cintura
Foto: Divulgação
 

Estrela de campanhas de cervejas nacionais e internacionais, a modelo Fernanda Schonardie reduziu 6 cm de cintura e 2 kg com drenagem lipossônica ativa, também conhecida como DLA. Usando um ultrassom tridimensional, um gel que ajuda a queimar gordura e uma técnica de massagem, o tratamento consegue reduzir já na primeira sessão cerca de 8 centímetros somadas as três medidas do abdômen, segundo o fisioterapeuta Dino Aurélio Volpa, da clínica Stesis, em São Paulo.

O procedimento pode ser feito no abdômen, coxas e glúteos, e ainda ajuda a melhorar o aspecto da celulite. A gordura não é eliminada do corpo, mas sim transformada em glicose deixando esse estoque de energia disponível para o organismo, explicou Volpa. "Por isso, recomendamos que a pessoa fique 48 horas sem comer carboidratos, para queimar esse estoque e não acumular mais", afirmou.

A massagem no abdômen dura cerca de duas horas e é feita em movimentos circulares com um aparelho de ponteira média. Fernanda passou por três sessões antes de posar para revista Beleza in Foco. Satisfeita com o procedimento, a modelo afirmou que cultiva alimentação saudável e bebe bastante água. 

Terra