publicidade
06 de fevereiro de 2013 • 07h07 • atualizado às 08h20

Série de exercícios elimina 600 calorias em 24 minutos

Novidade é indicada para manter o peso e também para quem deseja perder os quilinhos extras ainda neste verão
Foto: Divulgação
 

Com tantas promessas de manter o corpo em forma e sequinho em pouco tempo, é comum mulheres e homens ficarem confusos em relação ao melhor método para queimar as gordurinhas e fazer bonito ainda neste verão. Para quem deseja resultados rápidos, a boa notícia é que uma nova série de exercícios promete derreter 600 calorias em apenas 24 minutos.

Batizada de RX24, a técnica - criada pela academia Runner -, é destinada a jovens e adultos com pressa em ficar com o corpo de bem com o espelho. Isso porque o método, ideal para quem tem a agenda cheia de compromissos, garante diminuir as medidas e melhorar ainda mais o condicionamento físico em, no máximo, dez aulas.

“A modalidade é ideal para pessoas que têm pouco tempo para ficar em forma no verão”, afirma Iuri Venâncio, coordenador da academia Runner Vila Prudente, de São Paulo, e um dos criadores da novidade. Para ficar com a silhueta definida, é preciso fôlego, pois é aplicada uma seleção de exercícios multiarticulares, um treino puxado que tem como base os exercícios cardiorrespiratórios e as atividades para membros superiores e inferiores. Além disso, o treinamento melhora o fortalecimento do abdômen.

Entre os exercícios mais praticados por quem deseja deixar o corpão sarado, destacam-se as pranchas abdominais, laterais e ventrais para auxiliar na resistência muscular e manter as formas do corpo firmes e delineadas. Outros treinos bastante praticados são as flexões, remadas, saltos, agachamento, afundo e barra, fundamentais para melhorar a resistência e força muscular. No entanto, para que os resultados sejam ainda mais eficazes, os alunos devem manter uma alimentação balanceada.

Ressalva à técnica
Apesar de prometer eliminar os quilinhos extras em pouco tempo, a modalidade não é indicada para pessoas com problemas de saúde como hérnia, hipertensão e problemas cardíacos, em função da intensidade do treino. Além disso, grávidas também devem se abster desse tipo de exercício.

Agência Hélice Terra