1 evento ao vivo

Dez dicas evitam problemas na pele antes e depois da natação

21 jun 2013
07h11
atualizado às 07h11
  • separator
  • comentários

Com a prática da natação, a pele de todo o corpo é beneficiada, especialmente devido à melhora no fluxo de sangue, que estimula a eliminação de toxinas por meio do suor. No entanto, alguns cuidados especiais são necessários antes e depois de cair na água para garantir uma cútis livre do ressecamento e da ação de micro-organismos.

Dentro da piscina, o vilão é o cloro. “O produto causa desidratação da pele e também dos cabelos, deixando-os ressecados e enfraquecidos”, explica Miriam Sabino, dermatologista especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD). Embora, clubes e academias já usem outras opções de purificadores de água, vale anotar as dicas para cuidar da saúde e da beleza de sua pele ao nadar.

Antes de entrar na água

Faça exame médico. Solicitado ou não para frequentar a piscina, é essencial para detectar problemas que podem se agravar com umidade, como fungos ou micoses. “Além disso, pode evitar que outras pessoas se contaminem”, alerta Miriam.

Evite a esfoliação. “Ela tira a camada de proteção natural da cútis, o que a deixa mais sensível aos danos causados pelo cloro”, diz a dermatologista. Do mesmo modo, não use sabonetes abrasivos ou loções que retirem a oleosidade.

Invista nos lipossomos e ceramidas. Produtos à base desses componentes impedem os danos causados pelo cloro e mantêm a pele protegida. “Os lipossomos envolvem as células, para que não entrem em contato com o cloro e as ceramidas retêm a água do corpo, funcionando como uma película protetora”, explica.

Proteja a pele. Se pretende se expor ao sol, é preciso aplicar protetor solar para evitar manchas, “Especialmente se a pessoa estiver em tratamento de acne ou manchas, pode agravar o quadro”, ressalta Miriam.

Hidrate-se. “Piscinas aquecidas favorecem o aumento da temperatura corporal e com isso ocorre a desidratação, que influencia na qualidade do tecido cutâneo”, adverte. Por isso, é importante beber bastante água antes e depois do nado.

Depois de sair da piscina

Retire o cloro. O ideal é tomar uma ducha para retirar todos os resíduos da piscina e usar óleos corporais ou hidratantes próprios para banho enquanto estiver no chuveiro. “Sabonetes que oferecem hidratação profunda são a melhor a opção para o banho depois da piscina”, recomenda Miriam.

Cuide da área dos olhos. Por ser uma região mais sensível do corpo, desidrata mais facilmente. “É recomendável aplicar compressas para manter a pele hidratada”, ensina.

Mantenha a pele hidratada. Dependendo do tipo de produto utilizado na piscina, a cútis se sente bastante agredida. “Procure passar hidratante antes e depois, cremes à base de ureia são bastante eficazes”, aconselha Miriam.

Dê mais atenção à pele. Quem pratica natação regularmente, precisa se dedicar a cuidar da pele, pelo menos, uma vez por semana com uma hidratação mais demorada.

Utilize chinelos. Procure não andar descalço nos arredores da piscina, pois devido à umidade, há chance de proliferação de vírus e fungos.

Fonte: Agência Hélice Fonte: Terra
  • separator
  • comentários
publicidade