0

Sorrir promove quatro benefícios à pele do rosto; conheça-os

4 jul 2012
08h15
atualizado às 10h27
  • separator
  • comentários

Ao mesmo tempo em que faz bem para a alma, o ato de sorrir melhora a elasticidade da pele, combate rugas e flacidez e ativa a circulação sanguínea, garantindo hidratação à cútis e retardando o envelhecimento cutâneo.

Sorriso movimenta boa parte da musculatura do rosto, melhora a elasticidade da pele e ainda ajuda a retardar o envelhecimento cutâneo
Sorriso movimenta boa parte da musculatura do rosto, melhora a elasticidade da pele e ainda ajuda a retardar o envelhecimento cutâneo
Foto: Shutterstock

A afirmação tem base científica, já que, ao dar boas risadas, movimenta-se 12 músculos faciais, número que dobra quando liberamos deliciosas gargalhadas. E é justamente esse estímulo muscular, aliado à liberação da serotonina e da endorfina - substâncias ligadas à sensação de bem-estar -, que prolonga a firmeza e o aspecto jovial da pele.

Confira quatro benefícios do sorriso para quem deseja ficar com a cútis lisinha e macia como um pêssego.

Melhora a elasticidade
A perda da elasticidade da pele começa a ser percebida com mais facilidade após os 35 anos, fase em que o organismo começa a reduzir a produção de colágeno e elastina, substâncias responsáveis por dar firmeza e sustentação à cútis. Por isso, a contração espontânea dos músculos provocada pelo riso é importante, já que age como uma espécie de fortalecedora do tônus muscular.

“Ao estimularmos os músculos do rosto, conseguimos deixá-lo mais firme, ativando a produção de substâncias que sustentam a pele”, afirma Fernando Passos Freitas, dermatologista pós-graduado em Medicina Estética.

Suaviza rugas e flacidez
Com os movimentos do rosto desencadeados pelo sorriso, os músculos da pele ficam mais firmes, prevenindo o surgimento de rugas, linhas finas e diminuindo a flacidez. Mas atenção: os resultados dependem da genética de cada um e também das características da ruga.

“Vale lembrar que o sorriso não vai eliminar todas as marcas de expressão. A contração muscular e a liberação de serotonina e endorfina vão apenas suavizar algumas linhas finas e a prevenir a formação de novas. Rugas antigas que se aprofundam na pele precisam de tratamentos estéticos específicos”, explica Fernando.

Ativa a circulação sanguínea
Os movimentos dos músculos decorrentes de um largo sorriso também melhoram a circulação sanguínea, interferindo diretamente no aspecto da cútis do rosto. “O sangue é o condutor que transporta os nutrientes para todos os tecidos do corpo”, explica Mariana Tremel Barbato, dermatologista, especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD).

Ajuda a hidratar a pele
Em decorrência de uma circulação ativa obtida por meio do estímulo dos músculos pelo ato de sorrir, a pele sofre uma oxigenação local - fazendo com que os nutrientes cheguem mais facilmente às camadas mais profundas da pele. “Com a melhora da circulação, a pele fica mais hidratada, bonita e viçosa”, garante a médica. 

Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade