PUBLICIDADE

Calor deixa unha fraca e quebradiça; aprenda a protegê-la

10 fev 2014 07h13
| atualizado em 26/2/2014 às 11h35
ver comentários
Publicidade

Com os termômetros batendo recordes de temperatura neste verão, manter as unhas bonitas e saudáveis se tornou uma tarefa quase impossível para as mulheres. Isso porque o calorão típico da estação pode deixá-las mais fracas e quebradiças, além de comprometer a durabilidade e qualidade dos esmaltes utilizados.

Apesar disso, alguns cuidados simples podem ajudar a contornar os efeitos negativos provocados pela onda de massa quente que toma conta de todo o Brasil. O primeiro deles diz respeito à principal causa do problema: a desidratação, provocada pelo clima úmido, que tende a retirar a água da camada das unhas, deixando-as bem frágeis.

"Outro fator que contribui para esse enfraquecimento são as dietas rápidas, realizadas com mais frequência nesta época do ano, que deixam o organismo sem os nutrientes adequados para a saúde das unhas”, ressalta Cristiane Braga Lopes Kanashiro, dermatologista e nutróloga, membro da Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN) e da Sociedade Brasileira de Medicina Estética (SBME).   

Por essa razão, é fundamental aplicar uma base recuperadora, rica em queratina, na região e investir na combinação de diversos princípios ativos, como pomadas para assaduras e óleos vegetais de cravo e macadâmia, que reestabelecem a estrutura das unhas, aumentando sua elasticidade e resistência.

Além disso, deve-se avaliar a alimentação para que ela não influencie negativamente no visual. “Nesta estação, a dica é procurar comer alimentos mais ricos em água, como chuchu e melancia, por exemplo”, recomenda a especialista.

Praia e piscina
Ao contrário do que se imagina, a dupla praia e piscina não interfere na durabilidade do esmalte. O que compromete o efeito do cosmético, na verdade, é a própria fragilidade da unha provocada pela desidratação. Por isso, caso haja alterações na qualidade da coloração, vale a pena aplicar um verniz extra brilho para recuperar a sua vivacidade.

Também é fundamental retirar o esmalte um dia antes de ir à manicure para que a região possa oxigenar, jamais descascá-lo com as unhas ou a boca (a ação favorece o enfraquecimento) e evitar o uso de removedores que têm como base a acetona, pois o ingrediente possui uma composição química muito forte, capaz de desidratar as unhas.  

Fonte: Agência Hélice
Publicidade
Publicidade